topo_site_geomarcos

Trabalhos de Geobiologia

Meus trabalhos de geobiologia, aplicando a radiestesia como instrumento de medição, consistem em:

- Análise geobiológica dos locais de residências e de empresas de todos os ramos de atividade.
- Análise das pessoas que moram nos locais com anomalias nocivas microvibratórias.
- Análise de presença de anomalias nocivas à saúde dos seres humanos, animais e vegetais, tais como:

Radiações não-ionizantes:
- Zona Tectônica (rupturas, fraturas, descontinuidades nas rochas).
- Água Subterrânea em movimento em subsolo e em zonas tectônicas.
- Torres de microondas – Análise das ERBs – Estações Rádio Base da telefonia celular em zonas urbanas, no que se refere à densidade de radiação e ao quanto estão afetando os seres vivos.
- Alta Tensão: presença de alta tensão nas proximidades das residências e de edifícios: afetam o sono das pessoas, em nível celular.
- Campos elétricos e magnéticos induzidos em locais fechados (residências, prédios) por radiações eletromagnéticas não ionizantes.

Radiações ionizantes:
- Gás Radônio emitido pelas rochas (concentrações anômalas de elementos radioativos ionizantes, naturais nas rochas, por alteração, principalmente rádio e tório, elementos radioativos naturais da Tabela Periódica).

Trabalho realizado consiste: diagnóstico e correção dos locais afetados por anomalias microvibratórias emitidas, principalmente, pelos agentes emissores acima destacados.

Análise da arquitetura e geometria dos locais de estudos.

Esse trabalho pode ser aplicado em locais com plantações, com animais confinados, principalmente nos locais com radiações ionizantes. Há uma melhora geral quando reequilibramos esses locais. Os animais são sensíveis às radiações não-ionizantes e ionizantes como: cavalos – ficam nervosos e agitados; os porcos são sensíveis às radiações. Cachorros tendem a sair dos locais irradiados, quando é possível. Os mamíferos em geral são sensíveis às radiações, depois vem as aves, enquanto que os répteis e anfíbios e peixes são menos sensíveis, mas não significa que não sofrem os efeitos anômalos do meio ambiente.  

Radiestesia e Geobiologia – na pesquisa de água subterrânea em rochas cristalinas (geohidrologia) e de locais insalubres – desde 1996.
Empresas pesquisadas para água subterrânea – Alguns exemplos: Ford, Mercedes Benz, Otto Baumgart, Elma Chips, Bayer (RJ), Cisper, Shopping Center Norte, Natura, Avon, Hospital São Camilo, Hospital Neomater, Hotel Eldorado (Atibaia), Nadir Figueiredo, Firmenich e outras empresas.
A minha função é determinar os locais para a perfuração de poços tubulares à grande profundidade, com possibilidades de encontrar água com vazões de 5.000 a 50.000 litros por hora. São pesquisadas as fraturas de extensão armazenadoras de água subterrânea. As profundidades variam, em média, de 200 a 400 metros.
Trabalhos realizados na área de insalubridade – cerca de três mil residências, apartamentos, prédios, indústrias, comércios, sítios, chácaras, fazendas; numa média de dois a três imóveis por mês, nesses quatorze anos.
Medição e análise de cerca de mais de 10.000 pessoas.
As pessoas, através de seu organismo multicelular, entram em ressonância com as anomalias microvibratórias eletromagnéticas dos locais que moram. Acabam adquirindo as mesmas freqüências de cada tipo de anomalia existente, também nos locais de trabalho, após 5, 10 a 20 anos, sofrendo os seus efeitos anômalos microvibracionais, eletromagnéticos não–ionizantes e ionizantes. Através das pessoas, mesmo à distância, determinam-se que tipos de anomalias nocivas os seus organismos estão entrando em ressonância. Com o passar do tempo, em nível celular, as pessoas não conseguem descansar durante a noite, acordando, muitas vezes irritadas e nervosas, sem saber que é o local de moradia que atuam essas anomalias nocivas. Vide artigo em matérias.

Diagnósticos de locais de moradias

As pessoas não sabem, muitas vezes, que os locais influem na vida cotidiana: não dormem direito, ficam nervosas, irritadas, nada dá certo, se sentem confusas. Fazem exames médicos de todos os tipos, como ressonância magnética, análises químicas de sangue, e outros inúmeros exames e nada constam de anormal. Nesse momento é importante analisar o local de residência para verificar se existem anomalias nocivas.
Esse tipo de análise é comumente executado por radiestesistas que darão um diagnóstico do local e indicarão uma solução adequada para cada caso.
Na Alemanha, há mais de 100 anos, é comum esse tipo de análise preventiva, ainda na fase microvibratória, antes da fase química, onde os problemas aparecem em nível macro.
Veja o artigo: “Radiestesia como uma ciência aplicada à geobiologia”, em Matérias.

Marcos Alves de Almeida (geomarcos@terra.com.br)

WEBDESIGN:  sandragober@uol.com.br
Copyright © 2008 - Todos os direitos reservados - All rights reserved